domingo, 11 de novembro de 2012

ESCADA PARA O CÉU - Scalæ Coeli The Presentation of Our Blessed Lady Mary in the Temple



SANTA MARIA ESCADA PARA  O CÉU
SANTA MARIA ESCADA PARA DEUS


Hoje nós, oh Virgem Santa, te pedimos confiantes,
Vem defender os filhos teus, 
Vem dirigir os nossos passos. 
Vem guiar nosso caminho, 
Sendo Escada para Deus.




ortodox icon


A Igreja ocidental conhece a comemoração da Apresentação de Nossa Senhora desde o século VIII. Dela fala até o Imperador Miguel Comneno na Constituição de 1166. 
Um nobre francês, chanceler na Corte do Rei de Chipre, tendo sido enviado a Avignon em 1372, na qualidade de Embaixador junto ao Papa Gregorio XI, contou-lhe a magnificência com que na Grecia era celebrada no dia 21 de novembro. 
O Papa então a intriduziu em Avignon e Sixto V a extendeu a toda a Igreja.A Igreja Ocidental, respeitando zelosamente as tradicionais festas marianas mantidas pela Igreja Oriental, manteve também a festa da Apresentação de Maria no seu novo calendário litúrgico, pela importância do mistério e como gesto ecumênico.

Para Maria Menina:




Bach - BWV 1067 Suite - Badinerie - Croatian Baroque Ensemble




Giotto di Bondone The Presentation of the Virgin in the Temple 1304-06  Cappella Scrovegni Padua


 Apresentação de Maria ao Templo, não consta na Bíblia. 
Aparece em escritos apócrifos, como o Proto-Evangelho de Tiago, Livro de Tiago, ou ainda, História do nascimento de Maria. Mas sabe-se que se trata de uma celebração antiga na Igreja Oriental. Essa Tradição liga a festa à Dedicação da Igreja de Santa Maria Nova, construída em 534, perto do templo de Jerusalém. São, portanto, registros da existência da celebração desde o século VI.
Desde então este episódio da vida de Maria Santíssima começou a despertar o interesse dos cristãos e dos artistas, surgindo belíssimas pinturas sobre o tema da Apresentação.


The Presentation of the Virgin in the Temple

"Donzela imaculada,
morada do Senhor,
o Espírito,enviado do céu,
vos consagrou."


Cima da Conegliano Prezentatione della Virgen

"Delícias vos envolvem
na Casa do Senhor,
ó ramo de Jessé,
da graça dando a flor."


Pierre Mignard  The Presentation of the Virginal Temple

"Sinal da caridade,
que espelha todo o em,
aurora da luz nova,
como arca, Deus contém."

Protoevangelium of James

Another aprocryphal book  this account;

7. And her months were added to the child. And the child was two years old, and Joachim said: Let us take her up to the temple of the Lord, that we may pay the vow that we have vowed, lest perchance the Lord send to us, and our offering be not received. And Anna said: Let us wait for the third year, in order that the child may not seek for father or mother. And Joachim said: So let us wait. And the child was three years old, and Joachim said: Invite the daughters of the Hebrews that are undefiled, and let them take each a lamp, and let them stand with the lamps burning, that the child may not turn back, and her heart be captivated from the temple of the Lord. And they did so until they went up into the temple of the Lord. And the priest received her, and kissed her, and blessed her, saying: The Lord has magnified thy name in all generations. In thee, on the last of the days, the Lord will manifest His redemption to the sons of Israel. And he set her down upon the third step of the altar, and the Lord God sent grace upon her; and she danced with her feet, and all the house of Israel loved her.


Tintoretto The Presentation of the Virgin in the Temple 1553-56  Madonna dell'Orto Venice

Os textos apócrifos contam que Joaquim e Ana não tinham filhos. Conforme cultura da época, era uma situação frustrante e embaraçadora, pois significava que eles nâo haviam tido a bênção de Javé. Quando Maria nasceu, eles já idosos, ela foi dedicada inteiramente a Deus. Tanto no Oriente, quanto no Ocidente, observamos esta celebração mariana nascendo do meio do povo e, com muita sabedoria, sendo acolhida pela Liturgia Católica, e constando no Missal Romano a partir de 1505.


The Presentation of the Virgin in the Temple

“O Templo puríssimo do Salvador, a preciosa câmara nupcial, a Virgem, tesouro sagrado da glória divina, hoje é conduzida à Morada do Senhor, levando consigo a Graça do Espírito Divino; os anjos cantam a sua glória: ela é o tabernáculo celeste” como proclama a liturgia oriental.


Tiziano Vecellio  The Presentation of the Virgin in the Temple



Tiziano Vecellio  The Presentation of the Virgin in the Temple(detail)

"Acaso não fez a vontade do Pai a Virgem Maria, que creu pela fé, pela fé concebeu, foi escolhida dentre os homens para que dela nos nascesse a salvação; criada por Cristo antes que Cristo nela fosse criado? Fez Maria totalmente a vontade do Pai e por isto mais valeu para ela ser discípula de Cristo do que mãe de Cristo; maior felicidade gozou em ser discípula do que mãe de Cristo. E assim Maria era feliz porque já antes de dar à luz o Mestre, trazia-o na mente". Santo Agostinho



The Presentation of the Virgin in the Temple

A memória da apresentação da Virgem Maria é celebrada no dia 21 de novembro, quando se comemora um dos momentos sagrados da vida da Mãe de Deus, sua apresentação no Templo por seus pais Joaquim e Ana. Maria, conforme a promessa feita pelos seus pais, foi conduzida ao Templo aos três anos, acompanhada por um grande número de meninas hebréias que seguravam tochas acesas, com a presença de autoridades de Jerusalém e entre cantos angélicos.



The Presentation of the Virgin in the Temple

Para subir ao Templo havia 15 degraus, que Maria subiu sozinha, embora fosse tão pequena.
Segundo a mesma tradição apócrifa ela teria ali permanecido doze anos, saindo apenas para desposar São José, pois durante este período havia perdido seus pais.


Vittore Carpacci The Presentation of the Virgin  1504-08  Pinacoteca Brera Milan


 A cena de Nossa Senhora menina na escada do templo deu origem ao nome 
 da santa."Nossa Senhora da Escada."



The Presentation of the Virgin in the Temple  Vitral de la grande Chapelle du Seminaire Saint Sulpice


Maria ofereceu-se sem reserva, para sempre, com contentamento e júbilo. O que o salmista cantou, cheio de entusiasmo, traduziu-se na alma da bem-aventurada menina: “Quão amáveis são os teus tabernáculos, Senhor dos Exércitos! A minha alma suspira e desfalece pelos átrios do Senhor”.  E entrarei junto ao altar de Deus; do Deus que alegra a minha mocidade.



The Presentation of the Virgin in the Temple

  “O passarinho acha casa para si e a rôla ninho nos altares do Senhor dos Exércitos, onde um dia é melhor que mil nas tendas dos pecadores”.  Santo era o lugar onde Maria vivia. Era o templo onde os antepassados tinham feito orações, celebrado as festas; era o templo onde se achava o santuário do Antigo testamento, a arca, o trono de Deus no meio do povo; era o templo afinal, de que as profecias diziam que o Messias nele devia fazer entrada.


The Presentation of the Virgin in the Temple

Naquele templo a menina Maria rezava e se preparava para a grande missão que Deus lhe tinha reservado.  “Como os olhos da serva nas mãos da Senhora, assim os olhos de Maria estavam fitos no Senhor seu Deus”.


The Presentation of the Virgin in the Temple

Assim foi santíssima a vida de Maria no templo. O Divino Espírito Santo lapidou o coração e  o espírito da esposa, mais do que qualquer  outra  criatura.


The Presentation of the Virgin in the Temple

Maria poderia aplicar a  si as palavras contidas no Eclesiástico:  “Quando ainda era pequena, procurei a sabedoria na oração. Na entrada do templo instava por ela... Ela floresceu como uma nova temporã. Meu coração nela se alegrou e desde a mocidade procurei seguir-lhe o rastro”.


Cima de Conegliano  The Presentation of the Virgin in the Temple 1500  Dresden

Como Jesus, também Maria cresceu em graça e sabedoria diante de Deus e dos homens. 



Nicolas D'Ypres   The Presentation of the Virgin in the Temple XIV cent

Este crescimento a  Igreja contempla-o em imagens  grandiosas traçadas no Livro do Eclesiástico: “Sou  exaltada qual cedro no Líbano, e qual cipreste no monte Sião. Sou exaltada qual palma em Cedes e como rosais em Jericó. Qual oliveira especiosa nos campos e  qual plátano, sou exaltada junto da água nas praças. Assim como o cinamomo e o bálsamo que difundem cheiro, exalei fragrância; como a  mirra escolhida derramei odor de suavidade na minha habitação;  como uma vide, lancei flores| de um agradável perfume e as  minhas flores são frutos de honra e de  honestidade”.


The Presentation of the Virgin in the Temple

"Do Rei Esposa e Filha,
real Virgem Maria,
eleita desde sempre
por Deus, que tudo cria."


A Educação da Virgem   Reni Guido 1640-42 Ermitage

"Ó pedra preciosa,
estrela reluzente,
do Espírito os templos vivos,
trazei-nos transparentes."

A Educação da Virgem Giovanni Battista Tiepolo 1732


Para Maria Menina:

G. Haendel - Harp Concerto 1st. p. Alisa Sadikova

 - 7 years old harpist






A Jovem Virgem  Francisco de Zurbarán

  Nunca houve mocidade  tão santa e  esplendorosa como a  de Maria Santíssima. Outra não poderia ser, devendo Maria preparar-se para a realização do mistério dos mistérios;  da Encarnação do Verbo Eterno.

São Joaquim e Maria



"De todas as obras santas, 
a educação das crianças é a mais santa."

St Teófanes Eremita(Orthodox Philokalia | Collected sayings of the holy fathers ~ Matt. 13:52)

Primeiros passos da Maria com Santa Ana orhodox icon


Maria Menina



La Vierge Marie et ses Parents Masset 1854 Nice


ortodox icon

A Escada é a figura principal do simbolismo da assunção.


George de la Tour The Education of the Virgin Mary  1642 The Frick Coll. New York



"És feliz porque creste, Maria,
pois em ti a palavra de Deus
vai se cumprir, qual foi dito, Aleluia."




Peter Paul Rubens  A Educação da Virgem 1625-26 Antwerp





Manus meae stillaverunt myrrham, et digiti mei pleni myrrha probatissima —
 «As minhas mãos destilaram mirra, e os meus dedos estavam cheios da mirra mais preciosa»
 (Cant 5, 5).



Francisco Zurbaran The Childhood of the Virgin  1660 Ermitage

"'Mais que todas agradastes a Jesus, nosso Senhor!"

[1]"O silêncio de Maria e suas orações freqüentes acolhem a vontade de Deus com amor, pois produziu dedicação. Maria cooperou na obra da Redenção dando seu "Sim", não de maneira passiva, mas numa operosa atividade. O seu "Sim" foi mantido e acentuado em toda a vida, até mesmo no calvário onde, também ela, ofereceu seu Filho que se oferecia por nossa Salvação."



Sainte Anne conduisant la Bienheurese Vierge Marie au Temple  J. Stella XVIIIe



[1]"Maria preparou-se desde pequena para "tornar-se ela própria "templo" do Altíssimo. O anjo Gabriel anunciou tal realidade dizendo: "Não temas Maria, pois encontraste graça aos olhos de Deus". E a sua resposta é um célebre poema que enaltece a humildade e destrona o orgulho."


Bartolome Esteban Murilo The Childhood of Virgin Mary



[1]"A humildade, a simplicidade, a singeleza e a sinceridade são características freqüentes em uma criança. Maria foi apresentada portando estes atributos. O crescimento não destituiu esses predicados da Virgem de Nazaré, mas fê-los permanentes."



Alfonso Boschi  Presentazione di Maria al tempio

[1]." Onde havia abundado o pecado, pelo "Sim" de Maria a Graça superabundou ".


Pais religiosos nunca deixam de oração devota para consagrar seus filhos ao amor ao serviço divino , tanto antes quanto após seu nascimento. Alguns dentre os judeus, não contentes com esta consagração geral de seus filhos, ofereciam  os a Deus na sua infância; pelas mãos dos sacerdotes do Templo, foram apresentado e conduzidos aos quartos pertencentes ao Templo, onde foram  criados assistindo os sacerdotes e levitas no ministério sagrado. É uma tradição antiga que dizia que a Virgem Maria foi, assim, solenemente na sua infância  oferecida a Deus no Templo.  A alma da apresentada  Maria foi, então, adornada com as graças mais preciosas, um objeto de espanto e de louvor aos anjos, e da maior complacência com a adorável Trindade: o Pai, olhando para ela como para sua filha amada, o Filho como um escolhido e preparado para a tornar sua mãe, e o Espírito Santo como Sua esposa querida. Maria foi a primeira que estabeleceu o padrão da virgindade, e, ao consagrar-lo por um voto perpétuo de Nosso Senhor, ela abriu o caminho para todos os virgens que, desde então, seguiram-lhe o exemplo.



The Presentation of the Virgin in the Temple

Santa Anna e São Joaquim ensinando a menina Maria
[1]"Maria é modelo de fé adulta, esclarecida, consciente. Uma fé que enfrenta todas as dificuldades, sem duvidar da presença de Deus em sua vida."


Maria e Zacarias Franz Joseph Spiegler



The Presentation of the Virgin in the Temple


 Os mosteiros também são uma escada de introvivência, pois no interior do claustro é que o monge realizará a sua escalada ao Céu. Por isso há mosteiros cistercienses e cartuxos com os nomes de Scalæ Coeli e Scalæ Dei.


Sano di Pietro The Apresentation of the Virgin on the Temple 1448-52  Vatican

Não se pode iniciar a ascensão sem primeiramente esmagar aos pés o dragão.
Escada do Céu, o que o nome de imediato mais evoca é a Mãe de Jesus, pela qual a Divindade desceu à Terra, e pela qual a Humanidade, por sua intermediação privilegiada, ascende à imersão no Todo Divino, que é a Trindade.


The Presentation of the Virgin in the Temple

Escada Celeste – “por onde desce o Senhor”. Afinal, Escada do Céu por ser propriedade divina significa o mesmo que Escada de Deus, Scalæ Dei.


ortodox icone

Na conquista espiritual de si mesmo a escada comporta dez degraus para Cassiano, e doze para São Bento, que os cita na capítulo 7 da sua Regra. João Clímaco, no seu tratado intitulado Escada, fala de trinta degraus, em lembrança dos trinta anos da vida oculta do Cristo.  Como símbolo ascensional (ascensus)  da condição humana ou terrena à angélica ou espiritual, cuja Luz após obtida muitos optam pelo movimento descensional (descensus) para a vir dar aos “cegos de espírito”,
Ladder of Divine Ascent  Monastery Sinai 12th cent. Egypt



O Pai Asceta da Igreja, Santo Isaac de Nínive: "Esteja em paz com sua própria alma, então o céu e a terra vão estar em paz com você.  Vasculhe com ardor  em  busca daquele tesouro que está dentro de você, e verá  as coisas que estão no céu, pois só há uma única escada que leva para o Reino, e ela está escondida dentro de sua alma.  Quando na solidão, mergulhe em si mesmo, em sua alma, e você vai descobrir a escada pela qual você vai ascender ao Céu. "



Jacob's Dream   Bartolomé Esteban Murillo 1660-65  Ermitage



São Bento (480-547) «O maior de entre vós será o vosso servo»
Monge, co-padroeiro da Europa - Regra monástica, cap. 7


Irmãos, a Escritura divina proclama-nos que «quem se exaltar será humilhado e quem se humilhar será exaltado» e com isso quer mostrar-nos que toda a exaltação é uma forma de orgulho. Assim prova o salmista, que dele se acautela quando diz: «Senhor, o meu coração não é orgulhoso, nem os meus olhos são altivos; não corro atrás de grandezas ou de coisas superiores a mim» (Sl 130,1). [...] Daqui resulta, irmãos, que, se quisermos atingir o cume da suprema humildade e rapidamente chegar às alturas celestes aonde podemos subir pela humildade de vida terrena, temos de pôr de pé a escada que apareceu em sonhos a Jacob e subir por ela com os nossos atos tal como ele viu «os anjos subir e descer» (Gn 28,12). Sem dúvida que este subir e este descer não têm para nós outro significado senão o de pela exaltação se descer e pela humildade se subir. Ora, aquela escada posta de pé mais não é do que a nossa vida neste mundo, que o Senhor levanta até ao céu sempre que se humilha o nosso coração. [...]

Escada da Perfeição de São João Clímaco



Escada de Jacob  ortodox icon


Jacob's Dream Giovanni Battista Tiepolo 1726-29 Udine


 Jacob's Dream of a Ladder to Heaven

 
 Jacob's Dream of a Ladder to Heaven  Barlow


The Ladder orthodox icon



Jacob's Dream of a Ladder to Heaven Domenico Fetti

Jacob's Dream of a Ladder to Heaven  1490



Jacob's Dream of a Ladder to Heaven Edward Jone Burne
 Jacob's Dream of a Ladder to Heaven Ludovico Carracci
 Jacob's Dream of a Ladder to Heaven Cigoli Ludovico Cardi


 Jacob's Dream Jusepe de  Ribera


Jacob's Dream of a Ladder to Heaven  Walter Crane


Jacob's Dream of a Ladder to Heaven   Allori


Jacob's Dream of a Ladder to Heaven Franken Frans II



Jacob's Dream of a Ladder to Heaven Michele Desubleo


Ghirlandaio The Presentation of Virgin at the Temple 1486-90


[1]A Festa da Entrada da Virgem Maria no Templo acontece um pouco antes da Natividade do Senhor. É um convite a uma mais profunda e esmerada preparação para que possamos viver este tempo de graça em plenitude.

Giorgio di Andrea di Bartolo The Presentation of the Virgin in the Temple XV cent.


Santo Isaac, o Sírio: «A escada desse Reino está escondida dentro de ti, na tua alma. Lava-te, pois, do pecado, e descobrirás os degraus por onde subir».



The Presentation of the Virgin in the Temple  Daphni mosaique greece XI si'ecle



[1]Escolhida para ser mãe, pôs-se a serviço e se declarou serva. O mundo está cansado de palavras, de gestos ruidosos. Maria faz. No silêncio, realiza aos poucos sua parte.



 The Presentation of the Virgin in the Temple Bartolomeo Esteban Murillo


Aleluia, aleluia, aleluia!
Ouve, filha, vê e inclina o teu ouvido
esquece o teu povo e a casa de teu pai.
Aleluia, aleluia, aleluia!



The Presentation of the Virgin in the Temple( Unknown spanish master) XVI cent.


La niña María-¡qué gracia en su vuelo!-
paloma del cielo, al templo subía
y a Dios ofrecía el más puro don:
sagrario y mansión por él consagrada
y a él reservada en su corazón...


ortodox icon

Hoje é o prelúdio da benevolência de Deus
e a proclamação preliminar da salvação dos homens.
A Virgem apresenta-se com esplendor no Templo de Deus
e antecipadamente anuncia Cristo a todos.
A ela nós também clamamos em alta voz:
"Salve , ó realização da economia do Criador!"


Giovanni Grancesco da Rimini  La Presentation de la Vierge au Temple XII-XV si'ecle Mus'ee du Louvre


Ó Virgem singular,
louvor ao Deus Trindade,
que a vós deu os tesouros
de sua Santidade.


The Presentation of the Blessed Virgin Mary  Luca Giordano 1674

Os anjos, vendo a entrada da Puríssima,
admiraram-se de como a Virgem entrou no Santo dos Santos.
Que nenhuma mão profana a toque, ela, a Arca viva de Deus;
mas que os lábios dos fiéis cantem sem cessar à Mãe de Deus,
a saudação do Anjo, clamando com entusiasmo:
«Ó Virgem Pura, és, realmente, a mais elevada de todas as criaturas!»




Santa Ana com a Virgem Santíssima  Menina




Nossa Senhora da Escada  Notre-Dame Paris



Nossa Senhora da Escada  Barueri São Paulo Brasil



Escalera dorada Catedral de Burgos Espanha
Escada dourada no interior da catedral  que leva ao Santíssimo.
Foi edificada por Diego de Siloé e concluída em 1526. Tamanha beleza serviu de modelo para a construção da Opera de Paris.



The Presentation of the Blessed Virgin Mary Pietro Testa



"O templo puríssimo do Salvador, a Virgem,
a preciosíssima câmara nupcial,
o sagrado tesouro da glória de Deus
é apresentada hoje à Casa do Senhor,
introduzindo com ela a graça do Espírito Divino.
Os anjos de Deus a louvam clamando:
"Esta é o tabernáculo celeste!"


Kondakion da Festa (4º tom)




Nossa Senhora da Conceição da Escada


Pour que je vous aime, vous serve et vous invoque toujours, venez à mon secours, ô charitable Mère.


video

Belíssima Composição da "Hanaq Pachap Kusikuynin"
Um dos cânticos mais antigos da América: o "Hanaq Pachap Kusikuynin" (“Reino dos Céus”) foi dedicado a Nossa Senhora
O “Hanaq Pachap Kusikuynin” ‒ o “Reino dos Céus” na língua incaica‒ é das primeiras obras polifônicas compostas no Novo Mundo e um dos hinos mais antigos dedicado a Nossa Senhora.
Ele é cantado nas procissões de ingresso na igreja. Ele foi concebido em língua quéchua, a dos incas do Peru. Provavelmente o autor foi um indígena. O missionário franciscano frei Juan Pérez de Bocanegra fez a anotação musical.
Eis o texto:

Ó alegria do Céu,
Reverenciar-te-ei por todo sempre,
Árvore florida que nos dás o Fruto Sagrado,
esperança da Humanidade,
fortaleza que me sustenta
quando eu estou para cair.

Considera minha veneração,
minha reverência e meu pranto.
Ó Tu, mão guiadora de Deus, Mãe de Deus,
Amancaicito que desabrochas em tenras e brancas asas,
faz a este teu filho conhecer
o local que lhe tendes reservado no Reino dos Céus.

*Amancaicito =Flor andina, parecida ao lírio branco.





Virgin and Child (detail) Tizian






Referências:
Oração das Horas          21 de novembro